Jesus transformou meu caráter...saiba mais...

quinta-feira, 31 de outubro de 2013

MINHA HISTORIA 16ª PARTE – PEDRA DE TROPEÇO


A medida que meu filho crescia, ele se tornava um obstáculo para a “maldita voz”,  que me fez ter ódio dele e quer me livrar dele, passei a ficar nervosa e preocupada com os danos que a amamentação poderia causar ao meu corpo e de como eu iria me divertir com aquele bebe sob minha responsabilidade.

Os sentimentos pedófilos vieram a tona, estava adormecidos, perdido nas más lembranças da infância. Sempre que eu o amamentava a “maldita voz” ficava atormentando meus pensamentos com pensamentos pedófilos do passado. Todas as vezes que estava com ele no colo eu me sentia um monstro, chorava, eu o amava, queria o melhor para ele, meu coração de mãe queria cuidar, proteger, mas o que tinha dentro de mim, queria acabar com ele e terminava me enchendo de ódio contra ele. Queria me matar o tempo todo por causa dessas terríveis lembranças, queria jogar ele do Elevador Lacerda em baixo, queria dar veneno para ele e tomar veneno depois. Era terrível, comecei a sentir uma tristeza profunda, começo de uma depressão, queria ficar quieta, fechada no meu mundo, mas aquela criaturinha precisava de ajuda de cuidados e eu não queria odiar-lo, não queria abandoná-lo.
As traições que desconfiava na gravidez, foram confirmadas, as brigas aumentaram, a distancia entre nós mais ainda, e os desejos e pensamentos ruins nem se falam.

Com 10 dias de vida, meu filho estava em meus braços, era noite e eu voltava para casa, quando tropecei levemente e meu filho voou longe dos meus braços bateu numa parede e caiu no chão, foi tudo muito rápido, eu senti ele sendo arrancado dos meus braços com violência, eu sabia que aquele tropeção não foi a razão da queda dele, a “maldita voz” disse que eu tinha matado meu filho e que a cabeça dele estava aberta ao meio, gritei desesperadamente por horas, tiraram meu filho do chão, que não teve nada porque ele estava embrulhado em um edredom porque fazia muito frio no dia, e eu permaneci ali no chão, em transe como uma louca, ninguém consegui me tirar dali por horas porque muitas vozes falavam na minha cabeça me acusando e relatando como meu filho estava todo destruído, mas graças a Deus era mentira da “maldita voz” e seus comparsas. Quando eu consegui abrir os olhos, depois da “maldita voz” ter me massacrado bastante, ele já tinha tomado mamadeira, estava dormindo tranqüilo. Nesse dia pude amá-lo como nunca....Mas logo o amor era sufocado pelo ódio imposto pela "maldita voz".

Muitos acidentes começaram a acontecer com ele, mesmo sendo apenas um bebezinho frágil. Com 7 meses de vida ele pegou uma virose e foi desenganado pelos médicos e minha mãe usou a fé e ele foi curado que nem os médicos acreditaram.
Eu comecei a ficar doente, sentia muitas dores de cabeça, dores no corpo, ficava 3 dias em cima de uma cama, dependendo de alguém para cuidar até do meu filho. Eu não sabia as causas, mas quando meu filho fez 2 anos descobri que meu nome e o nome do meu esposo estava dentro de um terreiro debaixo do pé de uma imagem, provavelmente uma pomba gira. Época que minha cabeça virou completamente, comecei a fazer coisas mais horríveis do que as que tinha feito, tive que corta algumas coisas neste relato por vergonha  proteger os envolvido(as). Se um dia este relato virar um livro, pretendo escrever tudo em mais detalhes....
Uma senhora usada pelo mau (coitada), fez esse trabalho porque tinha inveja do meu casamento. 
Eu sei que não foi o trabalho que destruiu minha vida, o mal já estava presente desde o dia em que eu nasci e a ideia desse trabalho veio desse mal com o objetivo de jogar a culpa nela, sendo que toda as desgraças que vivi durante 28 anos o diabo foi e é o único responsável por qualquer sofrimento que um ser humano possa viver.

Não adianta você querer vencer o mal cm a força do braço ou culpar os outros pelo seu sofrimento.....
VOCÊ PRECISA DA AJUDA DE JESUS PARA VENCER!!!

O problema de sua vida não é culpa de um trabalho que fizeram para você.

É A SUA CONDIÇÃO DIANTE DE DEUS!!!

Como Deus vai lhe proteger se você faz a vontade do mal?
Você tem que decidir sua vida logo!!!!
Enquanto é tempo enquanto você tem vida....

VOCÊ SABE QUANDO VAI SER A SUA ÚLTIMA CHANCE?

Aracele na certeza que você não via perder a sua última chance...

continua....estamos chegando ao final ...

Nenhum comentário:

Postar um comentário