Jesus transformou meu caráter...saiba mais...

quinta-feira, 15 de agosto de 2013

MINHA HISTÓRIA 7ª PARTE – DECISÃO DESASTROSA

Em meio a brigas com minha mãe que nessa altura já era obreira da Universal, comecei a namorar com meu futuro esposo, eu tinha 15 anos e meio, durante esse período eu só tinha olhos, ouvidos e coração para ele.

Em casa as brigas aumentavam, minha mãe cobrava mais e mais de mim, não deixava eu ir para as festas, eu esperava ela dormir e ia escondido, ela desconfiava de tudo que eu fazia, me perseguia, não tinha sabedoria para lhe dar comigo, pois ela já estava caída espiritualmente mesmo sendo obreira, e eu era muito perturbada, fazia tudo o que não prestava. Mesmo eu estando totalmente errada a “maldita voz” pontuava cada falha dela, cada erro trazendo-me a ideia de que todas discussões era culpa dela e me perguntava:
É assim que você quer ser?
Para que entrar nessa igreja, para ficar desse jeito?

Eu tinha vontade de ser cristã, queria ser obreira um dia, mas gostava do pecado, achava que ainda não era a minha hora, e nem que eu ia realmente conseguir mudar um dia. A “maldita voz” sabia do que eu me tornaria quando eu chegasse nesse lugar tão temido por ela, a Universal, ela sabia o poder que Jesus tem e o que Ele pode fazer na vida daqueles que se entregam de corpo, alma e espírito.
Assim eu fui desenvolvendo um ódio pelos obreiros da Universal, achava que todos eram iguais. Via as obreiras amigas da minha mãe falando mal dos outros, e ficava com muita raiva. Todas essas obreiras saíram da obra depois de alguns anos, provaram que estavam mal com Deus. E a minha mãe também saiu da obra, foi morar em outra cidade (no decorrer dessa história você vai saber o que aconteceu com ela)

Comecei a ver meu namorado como a melhor opção de vida, achava que se eu fosse embora com ele, seria feliz e ficava livre do controle de minha mãe e da miséria em que vivia, mal sabia eu que esse era o plano da “maldita voz”, ela me queria longe de casa, fora dos cuidados da minha mãe e perto da liberdade de ir e vir, para isso ela tinha que me prender a esse rapaz. Larguei todos os namorados que tinha para ser fiel a ele, eu nunca tinha amado tanto assim antes, estava disposta a tudo para ficar ao lado dele.

Um dia acordei decidida, na certeza do que eu iria fazer, já tinha 16 anos, já era madura o suficiente, me preparei coloquei uma roupa e fui, fazer o que já estava premeditado, estava com medo, o meu ser não queria, pelo menos agora não, mesmo com a determinação e a força que tinha para fazer o que eu estava preste a fazer, no meu intimo de menina moça, queria recuar, eu o amava, mas não era a hora, mas a “maldita voz” tinha o controle da situação, questionei: e se tiver mais alguém lá? E se eu me der mal? E se alguém descobrir? A “maldita voz” me garantiu que ele estava sozinho e que tudo ia dar certo, e eu como sempre a obedeci, afinal, os planos do diabo só pode dar certo em nossas vidas quando obedecemos, e assim eu fazia, obedecia com detalhes.

Por isso que hoje, procuro dar o meu melhor para Deus, perco uma boa parte do meu tempo, para escrever essa história, suporto os olhares da minha família quando lêem um post meu e descobrem o que eles nunca imaginavam. Dói ser julgadas por pessoas que não acreditam no poder de transformação do Espírito Santo, achando que sou hoje o que era no passado, mesmo assim abro mão de tudo para abrir meu passado com o objetivo de provar para vocês que quem quer mudar com a ajuda de Deus consegue!

Encontrei coragem para abrir meu passado em detalhes quando nasci de Deus e passei a ver muitas jovens vivendo o que vivi, uma vida dupla cheia de decepções, traumas, ódio, dor e dissabores; e estão correndo risco de perderem a sua última chance, porque não vêem solução, não sabem nem por onde começar para sair dessa situação.

Digo para vocês meninas, TEM SOLUÇÃO SIM!!!

Se teve para mim, porque para você não terá?

Quero aproveitar a oportunidade para relatar que se eu não tivesse contado quem eu era para uma jovem, ela não teria coragem de falar quem ela é e pedir ajuda, porque ela estava ao ponto de cometer o suicídio e estava com depressão por causa dessa dupla personalidade, desse espírito que manifestava no corpo dela e a fazia cometer as piores coisas inclusive trair seu esposo dentro da própria casa deles.

Quando encontramos uma jovem assim, sempre a tratamos como um lixo, adultera e que não merece perdão, pois, era assim que ela se sentia, era assim que eu me sentia, talvez é assim que você se sente agora!!!!

Peço a Deus todos os dias que me dê coragem, para falar o que as pessoas precisam ouvir, ler e entender!!!!
Se eu não tivesse ouvido o que eu precisava ouvir, não estaria aqui desmascarando o inferno que tem atuado de uma forma sutil na vida das mulheres, deformando o seu caráter desde seu nascimento e provando para ela que todas as coisas de ruim que ela faz é culpa dela, faz parte do seu interior, do seu caráter, que ela não presta, nunca será feliz e nunca ninguém dará algum valor por ela.

continua.....

VOCÊ NÃO É PODRE!

VOCÊ NÃO É UM MONSTRO!

NÃO VAMOS TE CRUCIFICAR!

VOCÊ SÓ PRECISA DE AJUDA!

VÁ NA UNIVERSAL MAIS PRÓXIMA DE VOCÊ E PEÇA AJUDA AO PASTOR!

NÃO SE PREOCUPE, ELE VAI TE RECEBER COM TODO AMOR E NÃO VAI TE CRUCIFICAR!

SEJA CORAJOSA E FAÇA ISSO HOJE, AGORA....

AS PORTAS DA UNIVERSAL ESTÃO ABERTAS O DIA INTEIRO PORQUE JESUS TRABALHA 24HS POR VOCÊ!!!


Aracele, na fé e lutando para permanecer firme e forte no meu propósito, desmascarar o autor do sofrimento

Nenhum comentário:

Postar um comentário